Seguidores

Páginas

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Qual o valor de uma criança?


Qual o valor de uma criança?


Fico pensando: Qual o valor de uma criança? O que realmente importa no Ministério Infantil de uma igreja? Às vezes, as atitudes de pastores e líderes, com relação à vida de uma criança, dependem da maneira como cada um deles as vê dentro do Corpo de Cristo. Criança dá trabalho porque atrapalha o culto? Uma criança ocupa o lugar de um adulto no banco? O Ministério Infantil existe para sanar estas dificuldades, ou para edificar a vida das crianças ensinando no caminho em que devem andar?

Na Edição 16 da Revista Evangelizar, a Missionária Vasti, em seu texto de intercessão, escreveu o seguinte:”Jesus ensinou que deveríamos facilitar o caminho das crianças até Ele. Muito tempo depois de suas palavras, ainda é possível ouvir o eco no coração daqueles que têm na evangelização a sua esperança, ainda que, olhando para o mundo, vejamos o resultado de um profundo descaso daqueles que deveriam conduzi-las à adoração do único Deus. Pais, educadores, líderes religiosos estão preocupados com tantas coisas que não têm tempo de empreender esforços no fortalecimento espiritual das crianças. Para piorar, agem de forma a dar péssimo exemplo e põem nas riquezas desse mundo toda a esperança. Aprendendo com os adultos, vemos nossas crianças adorando ídolos televisivos, falando palavras torpes, agindo com violência, desobedecendo aos princípios da Palavra de Deus”.

Somos nós, os responsáveis pela edificação da vida espiritual de nossas crianças. Precisamos orar ao Senhor, para que ele coloque em nossos corações o mesmo amor que Cristo sentia por elas: “Jesus, porém, vendo isto, indignou-se, e disse-lhes: Deixai vir a mim os pequeninos, e não os impeçais; porque dos tais é o reino de Deus.” (Marcos 10 : 14)

Muitos pastores costumam dizer que as crianças são a igreja de amanhã, que são os futuros pastores, líderes, missionários, mas, então, por que não se preocupam com suas vidas espirituais? Na realidade, as crianças são a igreja de hoje e precisam ser cuidadas e pastoreadas como todos os outros membros, pois também fazem parte do Corpo de Cristo.

“De fato, existem muitas partes, mas um só corpo… o fato é que as partes do corpo que parecem ser as mais fracas, são as mais necessárias.” (I Co 12.20, 22)

Que nós não impeçamos as crianças de se achegarem a Jesus!

Apascentando Crianças para Jesus.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...